Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Corsan apresenta balanço de plano de ação para Santa Cruz do Sul

Publicação:

Reunião em Santa Cruz do Sul
Reunião em Santa Cruz do Sul

A Corsan apresentou nesta quarta-feira (5) o balanço do primeiro mês de implantação do plano de ação de curto prazo para Santa Cruz do Sul. Trata-se de uma programação para efetuar, de forma rápida, algumas obras e serviços da Companhia no município. Ela vem se somar ao trabalho que já está sendo feito conjuntamente entre Corsan e Prefeitura visando atualizar o cronograma estabelecido no contrato de programa, assinado em 2014.

A apresentação foi feita durante reunião semanal da Comissão Especial de Saneamento e Gabinete Especial, que vêm se reunindo semanalmente desde sua criação, em 8 de março. O superintendente da região Centro da Corsan, José Roberto Ceolin Epstein, explanou na ocasião as principais ações relacionadas à captação, produção e distribuição que estão sendo realizadas desde o início de março. Entre elas, a licitação para a ampliação da Estação de Tratamento de Água (ETA), no valor de R$ 2.492.560,42; encaminhamentos para a execução de 2,01 km de nova adutora de água bruta, investimento de R$ 1,3 milhão cuja obra deve começar em maio; perfuração de poços nos bairros Linha Santa Cruz (primeiro a ser contemplado, ainda em abril), Santo Antônio, Esmeralda, Jacarandá e Aliança; intensificação dos serviços comerciais, que somaram 1.510 ações desde 13 de março, com o trabalho de sete equipes. Também estão sendo encaminhados a execução de dois reservatórios, um de 1.000 m3 e outro de 2.000 m3 e uma nova adutora de água bruta com 1,8 km, que vai ligar a captação no Lago Dourado à canalização que chegará a uma nova ETA que será construída no município.

Entre as obras em andamento, destacam-se a substituição de rede, um investimento de R$ 2.023.554,96. Também está sendo implantado um Centro de Controle Operacional. Cerca de 25% já concluído, o que já está dando condições de operar parcialmente o monitoramento do sistema de distribuição de água de forma informatizada (valor de R$ 1.283.415,65). Já em relação ao sistema de esgotamento sanitário, está sendo feita a execução de obras remanescentes de duas regiões da cidade, no valor de R$ 6.412.347,30. Estão programadas ainda melhorias na Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) Pindorama, com colocação de gradil de concreto em todo o perímetro da área, melhorando a segurança dos equipamentos ali instalados, num investimento de R$ 1.644.113,05. Além disso, no último dia 25 a Corsan entregou ao município um caminhão de hidrojateamento e sucção a vácuo, com valor de R$ 440.500,00 do Fundo Municipal de Gestão Compartilhada (FMGC), para ser utilizado no sistema de esgotamento sanitário.

Entre as próximas ações previstas está o lançamento de edital do Contrato de Performance, que visa a prestação de serviços de engenharia para a redução de perdas de água, por meio de ações de controle de vazão e pressão, controle ativo de vazamentos e adequação da infraestrutura. Esta ação visa ao aumento da eficiência operacional e comercial do sistema e representa um investimento de mais de R$ 12 milhões.

O presidente da Comissão e Gabinete de Gerenciamento Especial, secretário municipal Henrique Hermany, disse na ocasião que essas são metas arrojadas, de curto prazo, necessárias devido a um período em que o município ficou sem contrato e, consequentemente, sem investimentos. ”Nós precisamos justamente recuperar esse tempo perdido, e isso vai ser feito gradativamente com o trabalho do município e da Corsan,que estão  atuando de forma muito próxima. Os resultados já podemos perceber tanto em ações, obras e empreendimentos que estão sendo anunciados e também entregues ao município de Santa Cruz. Nós julgamos o resultado extremamente positivo”, declarou Hermany. De acordo com o superintendente Jurídico da Corsan, Ciro Gaertner,“a intenção é continuar otimizando o tempo e antecipando os prazos”. A diretoria da Companhia esteve representada na ocasião pelo diretor Comercial, Luciano Eli Martin.

Plano de ação de curto prazo:

  • licitação para a ampliação da Estação de Tratamento de Água (ETA), no valor de R$ 2.492.560,42
  • encaminhamentos para a execução de 2,01 km de nova adutora de água bruta, investimento de R$ 1,3 milhão (obra deve começar em maio)
  • perfuração de poços nos bairros Linha Santa Cruz (primeiro a ser contemplado, ainda em abril), Santo Antônio, Esmeralda, Jacarandá e Aliança
  • intensificação dos serviços comerciais, que somaram 1.510 ações desde 13 de março, com o trabalho de sete equipes
  • encaminhamento da execução de dois reservatórios, um de 1.000 m3 e outro de 2.000 m3
  • nova adutora de água bruta com 1,8 km, que vai ligar a captação no Lago Dourado à canalização que chegará a uma nova ETA que será construída no município.

Obras em andamento:

  • substituição de rede, um investimento de R$ 2.023.554,96
  • implantação de um Centro de Controle Operacional, no valor de R$ 1.283.415,65
  • execução de obras remanescentes de esgotamento sanitário em duas regiões da cidade, no valor de R$ 6.412.347,30
  • melhorias na Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) Pindorama, com colocação de gradil de concreto em todo o perímetro da área, num investimento de R$ 1.644.113,05

Já feito:

  • entrega ao município um caminhão de hidrojateamento e sucção a vácuo, com valor de R$ 440.500,00

Ações previstas:

  • lançamento de edital do Contrato de Performance, que visa ao aumento da eficiência operacional e comercial do sistema, um investimento de mais de R$ 12 milhões.
CORSAN